Conecte-se Conosco

Administração

Membros da Cooperativa de Coleta Seletiva e Reciclagem de Igreja Nova elegem diretoria e elaboram estatuto interno

Publicado

em

O Comitê Gestor dos Resíduos Sólidos de Igreja Nova se reuniu na tarde desta quarta-feira (3) para tratar da formação da Cooperativa de Coleta Seletiva e Reciclagem de Igreja Nova (Coopecrin) e da elaboração de seu estatuto. A reunião foi conduzida pelo membro do Comitê Gestor Antenor Nerys, na Câmara de Vereadores, e contou com a presença de 27 interessados em fazer parte da cooperativa, incluindo o presidente Jadson dos Santos e a vice-presidente Cícera José de Lima, eleitos no último encontro.
Os cooperados deliberaram sobre divisão de tarefas, jornadas de trabalho, equipamentos de segurança, comunicação interna, local para reciclagem, forma de coleta, novos cooperativados e desistências, dentre outros assuntos para elaboração do estatuto. De acordo com Nerys, neste primeiro momento, a Prefeitura vai subsidiar a aquisição de alguns materiais necessários para o início dos trabalhos.
“A Prefeitura vai dar suporte a Cooperativa até que ela possa andar com as próprias pernas”, explicou.
A coleta seletiva será implantada no município por meio de um trabalho conjunto das Secretarias de Agricultura, Comunicação, Cultura, Educação, Administração, Infraestrutura e Assistência Social. Elas também darão o apoio para implantação e funcionamento efetivo da cooperativa. Durante a reunião surgiram sugestões de como pode ser realizada a coleta: container nos bairros, “disque coleta”, grupos em redes sociais.
Ao final da reunião, foi eleita a diretoria da Cooperativa, sendo Alessandra Timóteo a Secretária, Denilton Santos o tesoureiro e Alan Lima conselheiro. No Conselho Fiscal, foram eleitos como titulares: Antônio Costa, Luciano Santos e Almir Gomes de Barros. Michele Rodrigues, Ane Karyni e José Renato ficaram como suplentes.
Os objetivos da Coopecrin são gerar emprego e renda, reduzir os resíduos sólidos, promover a educação ambiental e proteger o meio ambiente, por meio de um trabalho de participação comunitária.

SECOM

 

Continue lendo
Clique para comentar

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.